quinta-feira, 30 de março de 2017

Taças – Taça oferecida pelo Dr. Alcântara Machado (1916)

O confronto entre Corinthians e Taubaté disputado na casa do adversário em 8 de outubro de 1916 poderia ser apenas mais um entre tantos amistosos realizados pelo clube em sua história. No entanto, a partida tem a sua relevância não apenas por ter colocado em disputa uma taça de prata, mas especialmente pelo fato de o troféu ter sido oferecido por um personagem importante do início da história corinthiana: o Dr. José de Alcântara Machado de Oliveira.

Político, advogado e escritor, naquele mesmo ano Alcântara Machado já teria seu nome incluído nas atas de reuniões do clube, sendo até mesmo homenageado como presidente honorário corinthiano. Ele também seria importante na construção do Estádio da Ponte Grande em 1918, já que se esforçou junto à Prefeitura de São Paulo para que o Corinthians conseguisse o terreno para construir aquele que seria o primeiro campo particular em que o time mandaria seus jogos. Inclusive ele foi convidado a dar o pontapé inicial da partida inaugural do estádio, um 3x3 contra o Palestra Itália.

Seu filho era o escritor Antônio de Alcântara Machado, também torcedor alvinegro, que escreveria em 1927 o conto "Corinthians (2) vs. Palestra (1)" em sua obra-prima Brás, Bexiga e Barra Funda.

Quanto à partida contra o Taubaté, com gols de Amílcar e Américo, batemos o adversário por 2x0, garantindo que essa taça, ofertada por uma pessoa tão relevante nos primeiros passos trilhados pelo clube, ficasse para sempre em nossa galeria.

Time-base: Aristides; Fúlvio e Casemiro González; Police, Plínio e César Nunes; Américo, Marconi, Amílcar Barbuy, Apparício e Neco. Técnico: Amílcar Barbuy.

Para ver uma lista com todas as taças da história do Corinthians, clique aqui.

Para acessar os posts sobre outras taças da história do Corinthians, clique aqui.
                  

Nenhum comentário:

Postar um comentário